Vexame na Câmara Muncipal de Alvorada D

Notícias

475 leituras | 000 comentário | Notícias | Política

sexta-feira, 23 de agosto de 2013 alvonoticias

Alvorada - Vexame: Sessão de eleição de Presidente da Câmara Municipal foi encerrada em tempo recorde, digna de ser registrado no Guinness Book.

COMPARTILHE
 
1

 

 

 

 

 

Hoje (23), a Câmara Municipal de Alvorada do Oeste inusitadamente entra para a história por ter realizado uma sessão recorde para a escolha antecipada do Presidente e demais membros da mesa diretora para o biênio 2015-2016.(CLIQUE AQUI PARA VER GRAVAÇÃO)

A Sessão nem bem havia começado e o Presidente Beto do Táxi encerrou-a poucos segundos depois, não dando tempo nem mesmo para a costumeira oração acontecer.

O fato da antecipação da eleição de presidente por si só já representa uma imoralidade, talvez para atender interesses menores, o que não traz nenhum benefício para a população, mas a grupelhos.

A Sessão aconteceu às 08 horas, sem alarde, meio que às escondidas, pois não foi divulgada para a população, que só saberia da patranhadepois de consumada e a população recebendo a notícia com cara de uma rotunda “buzanfa”.

O Presidente, Beto do Táxi, eleito para o cargo por força do prestígio político do prefeito Raniery e do deputado estadual Luizinho Goebel, que bancaram seu nome e não mediram consequências para sua eleição, entrará para a história como ator principal de mais uma vergonhosa façanha da Câmara Municipal de Alvorada do Oeste.

Beto, que perdeu o respeito da população e não ostenta mais autoridade moral para continuar exercendo a presidência da Câmara Municipal, e lá só está por causa da "solidariedade" de alguns vereadores e de seus padrinhos políticos, foi indiciado em investigação da Polícia Civil e responderá criminalmente pela prática do crime de concussão por ter exigido parte do salário da ex-diretora administrativa e financeira da Câmara Municipal.

Esse último fato foi um dos temas de recente manifestação pública e protesto da população de Alvorada do Oeste que gritou alto e repetidas vezes ("fora Beto do Táxi") em frente à casa do Prefeito Raniery, exigindo a saída de Beto do cargo.

A tentativa de eleger antecipadamente um presidente e os demais membros da mesa, sem o conhecimento da população, só não atingiu o seu objetivo em razão da corajosa e competente intervenção do Vereador Max (PT), que apontou a ilegalidade e em protesto se retirou do plenário, gesto acompanhado pelos Vereadores Paulino Rocha (PT), Cícero (PMDB) e Débora Pereira (PMN), antes mesmo de encerrar a Sessão, submetendo o Presidente  Beto a uma situação vergonhosa. 

Beto e os mentores da idéia frustrada poderiam ser poupados da vergonha que patrocinaram se buscassem amparo na competente assessoria da Casa.

A população quer saber: qual o motivo para eleger antecipadamente, ou seja, quase dois anos antes do prazo, o novo Presidente?

Qual o benefício essa antecipação trará para o povo de Alvorada?

E a Câmara Municipal, o que ganhará com isso?

Será que Alvorada do Oeste terá as respostas? Ou estas seguirão o mesmo rumo da vexatória Sessão? 

fonte: alvonoticias Visualizar Impressão