Rondônia é o maior produtor nacional de peixe

Rondônia

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Publicado por: Vavá Almeida

Rondônia é o maior produtor nacional de peixe em águas de interior, diz MPA

 

De acordo com dados do Ministério da Pesca e Agricultura (MPA), Rondônia conta com aproximadamente oito mil hectares de produção de pescado com mais de 50 mil toneladas de peixes produzidos por ano. Oitenta por cento desta produção é vendida para o estado do Amazonas. Em visita a Ji-paraná nesta semana, o superintendente do MPA, Ricardo Lopes, declarou que o estado é, atualmente, o maior produtor de pescado do Brasil em águas de interior e que a produção pode crescer mais 30 mil toneladas até 2014 com a abertura do mercado para as regiões Sul e Sudeste.

Embora seja a segunda maior cidade do estado, Ji-Paraná não é um polo produtor de pescado em Rondônia. O município conta com 80 produtores. A cidade de Mirante de Serra tem mais de 800 produtores de peixes e está localizada em uma região estratégica. “O município tem cidades vizinhas com grande escala de produção e estamos buscando parcerias junto a órgãos e prefeitura para o incentivo dessa produção, que já é uma realidade no agronegócio do estado”, disse o superintendente durante a Semana do Peixe em Rondônia, realizada nesta semana no município.

Além de discutir melhorias na produção de pescado na região foi lançado, durante o evento, a campanha nacional de consumo de peixe.  De acordo com o superintendente, existe uma preocupação do governo federal sobre os benéficos que as pessoas deixam de adquirir quando não ingerem a carne de peixe. “O Ministério da Saúde recomenda que um ser humano consuma 12 quilos de pescado por ano, mas a média no Brasil não chega a 10 quilos”, afirma Ricardo Lopes. 

Segundo o superintendente, nos últimos anos o consumo passou de seis para oito quilos por ano, mas que a média ainda é considerada baixa, tendo em vista que o estado é um grande produtor. A Semana do Peixe em Ji-Paraná segue até o dia 12 de setembro. Deverá ocorrer feiras nos dois distritos da cidade com peixes sendo comercializados a partir de R$ 4,99 o quilo.

fonte: G1.globo.com/ro