Rádio Evangelizar

Rádio Evangelizar

 

 

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.6/5 (902 votos)




ONLINE
4





Partilhe esta Página



 

Total de visita no site


'Não perderei a esperança’, diz mãe
'Não perderei a esperança’, diz mãe

19/06/2014 08h00 - Atualizado em 19/06/2014 08h00

'Não perderei a esperança’, diz mãe de
jovem sumida há 6 meses em Vilhena

Joice Barros sumiu após ir em uma festa de casamento em dezembro.
Polícia considera o caso com um dos mais misteriosos já registrados.

Jonatas Boni Do G1 RO

Joice desapareceu na quarta, 18 (Foto: Arquivo Pessoal)J
Joice desapareceu na quarta, 18
(Foto: Arquivo Pessoal)

O desaparecimento da estudante Joice Barros Oliveira completou seis meses nesta quarta-feira (18). A jovem sumiu no dia 18 de dezembro do ano passado, após ir a uma festa de casamento em Vilhena (RO), município distante cerca de 700 quilômetros da capital Porto Velho. Mesmo sem informações, a família diz que não perdeu a esperança de encontrar a estudante viva.

O caso é considerado, pela polícia, como um dos mais misteriosos já registrados na cidade. Desde que desapareceu, a Polícia Civil trabalha nas investigações, mas os agentes não obtêm informações ou pistas de onde Joice possa estar. De acordo com a mãe, Ivoneis Araújo de Barros, a esperança de encontrar a filha bem continuam. "Foram difíceis estes seis meses. Só Deus sabe o que estamos passando. É um filme que roda 24 horas na cabeça, mas não perderei a esperança", conta. Ao G1, a mãe diz não entender como ninguém viu Joice depois do desaparecimento.

Mãe de três filhos, Ivoneis diz estar trabalhando em um frigorífico da cidade e nas horas vagas faz o que pode para ajudar a desvendar o mistério do sumiço da filha. "Mandei e-mail para o governo do estado, para que olhassem o caso, mas ninguém deu resposta ainda. Constantemente vou à delegacia também", afirma.

Desde que desapareceu, o quarto de Joice permanece do mesmo jeito. Segundo a mãe, o guarda roupas permanece intacto com os trabalhos de escola e roupas. Ivoneis frisa que a filha mais nova, de 11 anos, sempre pergunta por Joice com saudades.

De acordo com a Polícia Civil, durante as investigações houve a quebra de sigilo telefônico, acesso a agenda de contatos, e-mails e redes sociais, mas não nenhuma informação concreta foi encontrada. Segundo o delegado regional, Fábio Campos, nenhuma passagem de companhia aérea ou terrestre foi comprada em nome de Joice.

A polícia pede para que, caso alguém tenha visto Joice, que entre em contato através dos telefones 190, 197 ou (69) 3322-3001.

 

Previsão do tempo

 

topo