Rádio Evangelizar

Rádio Evangelizar

 

 

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.6/5 (902 votos)




ONLINE
3





Partilhe esta Página



 

Total de visita no site


Imoralidade
Imoralidade

29/05/2013 - 12h24min - Atualizado em 29/05/2013 - 12h24min

Imoralidade: Conheça os deputados que votaram a favor da impunidade dos colegas propineiros

Dessa vez, os beneficiados foram Saulo da Renascer (PDT), Zequinha “Dinheiro na Cueca” Araújo (PMDB) e Jean Oliveira (PSDB), filho do ex-deputado Carlão de Oliveira.

Da reportagem do Tudorondonia

Porto Velho, Rondônia – A Assembleia Legislativa de Rondônia realizou, na noite dessa terça-feira, uma sessão destinada a salvar a pele de mais três deputados envolvidos em esquema de corrupção desbaratado pela Polícia Federal com a Operação Termópilas.

Dessa vez, os beneficiados foram Saulo da Renascer (PDT), Zequinha “Dinheiro na Cueca” Araújo (PMDB) e Jean Oliveira (PSDB), filho do ex-deputado Carlão de Oliveira.

Usando artigos da Constituição, os parlamentares aprovaram requerimento de partidos políticos pedindo à Assembleia que, por meio de decreto legislativo, encaminhe ao Tribunal de Justiça pedido de suspensão dos processos criminais que tramitam naquela Corte contra os deputados acusados de receber propina do então presidente do Poder Legislativo Estadual, Valter Araújo (PTB), que, preso e posteriormente cassado, saiu de cadeia por força de habeas corpus concedido pelo Superior Tribunald e Justiça (STJ),  teve sua prisão decretada novamente e fugiu há mais de um ano sem deixar pistas.

Anteriormente, a Assembleia já havia aprovado decreto legislativo para beneficiar outros envolvidos na corrupção. A deputada Ana Dim Dim da 8 e o colega Flávio Lemos já escaparam dos processos – pelo menos até janeiro de 2015, quando acabam seus respectivos mandatos.

Na noite dessa terça, os deputados voltaram a se reunir para livrar a cara de outros colegas, sacramentando uma imoralidade que só não contou com a adesão de quatro parlamentares: Cláudio Carvalho (PT), Hermínio Coelho (PSD), que se absteve; Adelino Follador (PMDB) e Ribamar Araújo (PT).

Estavam ausentes Euclides Maciel (PSDB), Glaucione Rodrigues (PSDC)  e Marcos Donadon (PMDB).

Todos os demais 16 deputados – inclusive os envolvidos no esquema das propinas – também votaram. Só que , nesse caso, um votava a favor do outro, mas não votava quando se tratava do próprio processo.

Os deputados que recebiam dinheiro desviado por Valter Araújo da Secretaria Estadual de Saúde combinaram entre si para se protegerem, de forma que seus respecitvos partidos fizeram a solitação à Assembleia para sustar as ações penais. O partido de Ana Dim Dim da 8,  o PT do B, por exemplo, pediu a favor de Jean Oliveira e Zequinha Araújo, que são de outros partidos. Ana da 8 já havia sido beneficiada com a manobra.

 

Previsão do tempo

 

topo