Chacina na Grande SP

Chacina na Grande SP: autores usaram munição restrita à PF e às Forças Armadas

Por Agência Brasil - |

Perícia encontra balas de calibre 9 mm; massacre realizado na quinta-feira (13) fez 18 mortos e 6 feridos em Osasco e Barueri

Agência Brasil

Os laudos parciais do Instituto de Criminalística (IC) indicam que os tiros disparados contra as vítimas do massacre, ocorrido anteontem (13) à noite em Barueri e Osasco, na Grande São Paulo, partiram de armas de calibres 38, .380, 9mm e 45. As de calibre 38 e .380 são usadas pela Guarda Civil. As 9mm são de uso exclusivo das Forças Armadas e da Polícia Federal, de acordo com informação divulgada neste sábado (15) à tarde pela Secretaria de Segurança Pública (SSP).

O material periciado foi recolhido em oito dos dez locais dos ataques em série, realizados na quinta-feira (13) e que resultaram na morte de 18 pessoas e ferimentos em mais seis, no maior do gênero em São Paulo.

A nota informa ainda que, desde sexta-feira (14), o titular da pasta, Alexandre de Moraes. determinou que a Corregedoria da Polícia Militar auxilie a força-tarefa criada para investigar o caso, de modo a apurar os autores dos assassinatos.

O comunicado também assegura que não houve novas ocorrências graves na região e que é mantido o reforço no policiamento com 83 Policiais Militares e 43 viaturas da Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota), do Comando de Operações Especiais (COE) e da Força Tática.

Encapuzados entraram em bar e perguntaram quem tinha passagem pela polícia antes de disparar
Reprodução/Twitter
Encapuzados entraram em bar e perguntaram quem tinha passagem pela polícia antes de disparar

Execução

Na quinta-feira (13) à noite, pelo menos 15 pessoas foram baleadas e 11 delas morreram nas cidades de Osasco e Barueri. Todos os casos apresentam, segundo a Polícia Civil de Osasco, características de execução.

No município de Barueri, de acordo com a Guarda Civil Municipal (GCM), o corpo de uma vítima foi localizado, às 22h40, na Rua Carlos Lacerda. Às 23h45, corpos de dois homens baleados na rua Irene foram encontrados nas proximidades de um bar. Uma pessoa baleada na cidade sobreviveu e foi encaminhada ao Hospital Geral de Itapevi. De acordo com a unidade de saúde, um homem está internado na unidade de terapia intensiva (UTI) em estado grave.

Em meio a muita comoção, foram enterrados neste sábado (15) pela manhã os corpos de 12 dos 18 mortos na chacina. Às 15h, no cemitério municipal de Barueri, foi sepultado o corpo de Fernando Luiz de Paula.

Leia também

- Vítimas de chacina que deixou 18 mortos são enterradas

- Saiba quem são as vítimas da chacina que deixou 18 mortos em São Paulo

- Secretário não descarta ligação entre chacina e morte de PM

Leia tudo sobre:chacina